PÍLULAS | Da nova caixa (japonesa) do New Order aos 36 anos da morte de Ian Curtis

Aqui no blog não abrimos mão das “rapidinhas”… Quem não gosta, não é mesmo?

  • A Traffic Records, selo que atualmente representa o New Order para a Mute Records no Japão, finalmente liberou fotos da edição Wrapping Cloth Box Set do álbum Music Complete. Para quem não sabe do que estamos falando, trata-se de uma caixa feita sob medida para os colecionadores e que inclui o Music Complete em cassete (não, você não leu errado!) e três CDs singles, “Restless”, “Tutti Frutti” (uma edição exclusiva com o “Takkyu Ishino Remix”) e “Singularity”. A caixinha, feita no formato clamshell, vem embalada com uma famosa técnica japonesa de embrulho em tecido chamada furoshiki. O pano que cobre a caixa vem estampado com a mesma arte da capa do disco, criada por Peter Saville e Paul Hetherington. Será um mimo para poucos: é uma edição limitada produzida especialmente para a visita do New Order ao Japão este mês. Algumas unidades serão vendidas na banquinha de merchandise no local das duas apresentações marcadas (dias 25 e 27, no Shinkiba Studio Coast), por “módicos”‎ ¥ 6.000 (algo em torno de R$ 193 pelo câmbio de hoje); outras poucas estarão disponíveis em um sorteio no dia 26 na loja da Tower Records em Shibuya, onde o New Order conversará com fãs sortudos que conseguirem um convite. Um passarinho já me contou que uma dessas no eBay não vai sair por menos de £ 120 (a fortuna de R$ 624). Olhando as fotos, é impossível não querer ter um box desses, mesmo sem ter onde tocar a fitinha cassete. E precisa?
  • Do outro lado do Atlântico, se não for dia 19 de maio, é quase… Mas aqui ainda é dia 18 e faz 36 anos que Ian Curtis, a voz do Joy Division, cometeu suicídio – e mudou a história dos colegas Bernard Sumner, Stephen Morris e Peter Hook. Fotos dele pipocaram no Instagram o dia inteiro, sempre acompanhadas de legendas impregnadas daquele tom de solenidade, ou com clichês do tipo “Rest In Peace” ou “always missed”… Se, a partir da tragédia, não tivesse acontecido uma outra e bem sucedida história – a transformação do Joy Division em uma outra banda muito boa e influente, o New Order, além da conquista do merecido sucesso, talvez eu sentisse realmente falta do velho Ian. Não sou o único que pensa assim. Abaixo, a conversa que rolou hoje no grupo do New Order Brasil no WhatsApp:

IMG_7613 (1)IMG_7614IMG_7615

Visite também nosso Instagram:
http://instagram.com/neworderbrfac553 Instagram

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s